oração em família

As compras na mercearia, no açougue, as ocupações no trabalho, exercícios físicos para manter a saúde em dia, a educação dos filhos… Para uma família, essas são algumas das prioridades que costumam estar no topo da nossa atenção e preocupação, pois, de certo modo, têm impacto vital: se descuidamos, colocamo-nos em risco. Antes de todas elas, porém, – e para que todas estejam em harmonia – vem o relacionamento que cultivamos com Deus no seio do lar.

Em uma casa, onde cada um tem seus horários particulares definidos, encontrar tempo para estabelecer uma rotina de oração comum é tarefa que merece atenção e empenho. Acompanhe este texto e encontre caminhos sobre como fazer uma oração em família.

Comece!

É claro que será preciso definir, minimamente, um dia e horário que seja mais conveniente para todos, mas não espere todas as condições estarem favoráveis. A dica primordial é começar e transformar em hábito.

Você pode optar, inicialmente, por uma dezena do Santo Terço ou uma oração durante as refeições em família. Mas, que seja algo constante, sem a ansiedade de acelerar o ritmo de uma hora para outra. É fazendo pequenos gestos que chegaremos à santidade.

Adaptar a oração em família de acordo com o público presente

Em uma mesma família existem pessoas com idades diferentes, o ideal é que cada momento de oração possa estar de acordo com os participantes. Ou seja, se tem crianças, proponha orações que favoreçam os pequenos. Se for composta de adultos, rezarem de acordo com a realidade deles, apresentando a Deus as graças e os desafios de cada um. Se os participantes forem pessoas mais idosas, é possível fazer um resgate de orações mais antigas e fomentar a troca de experiências de vida. Para os casos em que o público é heterogêneo, o ideal é perceber de que forma todos podem viver melhor. Sugerimos que se tenha uma boa conversa antes de iniciar a oração. E seguir sempre pelo caminho da simplicidade.

Proponha orações devocionais

As orações devocionais são de muito valor para serem inseridas nos momentos em família. Sugerimos a oração do rosário – “a ele [rosário] confiei tantas preocupações; nele encontrei sempre conforto”, São João Paulo II – o terço da misericórdia, o ofício da Imaculada Conceição e/ou outras devoções.

Pequenas ações em vista da escolha pela oração podem criar uma rotina de oração familiar. Portanto, tenham fé e reúnam a família em torno da oração. Logo poderão contar os inúmeros frutos que virão!

Leia também: 5 livros que podem ajudar pais e mães na missão da educação dos filhos

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here